esgoto-prata

Moradores do município da Prata estão revoltados com os danos causados ao meio ambiente devido a uma obra de esgotamento sanitário que custou aos cofres públicos mais de dois milhões de reais. O esgoto está sendo jogado dentro do rio Caxingó de Cima, que corta a cidade. A obra foi executada na administração do prefeito Marcel Nunes, com recursos da Funasa e estão dentro das obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). O prefeito Júnior Nóbrega comunicou o fato oficialmente a Funasa cobrando soluções para o problema.

esgoto-prata-2

De acordo com o morador Gilvan Melo, o estrago causado ao meio ambiente será difícil de ser reparado. Segundo ele, a promessa era de que após tratada, a água iria cair tratada dentro do rio, mas o que está acontecendo é que esgoto está sendo jogado no rio porque o sistema de tratamento não está funcionando há mais de seis meses.

esgoto-prata-3

Além dos danos causados ao rio, o esgoto está contaminando o lençol freático da comunidade. “O esgoto está matando o rio, além de contaminar o nosso lenço freático que abastece a população da região no período de estiagem”, revelou o morador.